quarta-feira, julho 19, 2006

É preciso não ter vergonha II

Citando Vital Moreira:

 

“A Madeira beneficia de um regime de privilégio financeiro. Fica com todas as receitas fiscais nela geradas; não contribui um cêntimo para as despesas gerais da República (forças armadas, tribunais, relações externas, etc.); apesar de se ter tornado uma das regiões mais ricas do País, continua a receber anualmente milhões e milhões adicionais do orçamento do Estado, ou seja, dos impostos do Continente, com regiões muito mais pobres; o Estado continua a suportar várias despesas de investimento (por exemplo, o aeroporto) e vários serviços públicos na Madeira (por exemplo, a Universidade).”

2 comentários:

Anónimo disse...

I like it! Good job. Go on.
»

Anónimo disse...

Greets to the webmaster of this wonderful site. Keep working. Thank you.
»